Agência de Notícias
A deputada Fran Somensi (Republicamos) homenageou no Grande Expediente desta terça-feira (28) o Programa Florescer, que há 20 anos promove a formação integral de crianças e adolescentes entre 6 e 14 anos em situação de vulnerabilidade social. Mantido pelo Instituto Elisabetha Randon, uma Organização da Sociedade Civil com Interesse Público (OSCIP), que tem por objetivo promover a cidadania e o desenvolvimento social, o programa foi idealizado por Raul Randon, fundador do Grupo Randon, referência global em transportes, presente em mais de 120 países. “O Florescer, nesses 20 anos, tem assumido o compromisso de levar a crianças e jovens a esperança de dias melhores. Uma oportunidade de ver um futuro com mais cor e alegria”, declarou a parlamentar.

Realizado no contra turno escolar, as atividades do programa ocorrem junto aos parques fabris das Empresas Randon em Caxias do Sul e em franquias consolidadas em Bento Gonçalves, Erechim, Vacaria, Joinville, em Santa Catarina, e Maringá, no Paraná. Com metodologia própria, oferece aos jovens aulas de inglês, informática, canto coral, música instrumental, educação corporal, educação ambiental, acompanhamento diário das tarefas escolares, reforço pedagógico e robótica, além garantir transporte, alimentação e uniforme de forma gratuita.  Atualmente, beneficia cerca 1000 crianças por ano.

Concluída a formação no Florescer, os beneficiários ingressam no Programa Florescer Iniciação Profissional, que oferece cursos técnicos, em parceria com o SENAI. Implantado em 2004, o programa já beneficiou  990 jovens. “Com uma formação técnica e humanística, incentiva um futuro mais próspero e com oportunidades, na maioria das vezes dentro de empresas do próprio Grupo Randon”, ressaltou a parlamentar.

Ao longo das duas décadas de existência do programa, foram beneficiados cerca de 15 mil crianças e adolescentes. O município de Caxias do Sul concentra 6,9 mil dos atendimentos. Já as franquias sociais do programa somam cerca de oito mil atendimentos.  “Ver empresas como a Randon que colocam a responsabilidade social como prioridade nos dá esperança, pois precisamos lembrar que todos somos herdeiros de nossas próprias ações. São as atitudes que modificam a nossa sociedade”, frisou Fran Somensi.

Além dos 20 anos do Florescer, a parlamentar destacou também os 19 anos do Instituto Elisabetha Randon, que leva o nome da mãe do fundador do Grupo Randon e promove  ações de educação, cultura, assistência social e segurança no trânsito.  É mantido pelas Empresas Randon e seus funcionários e coordena os programas sociais voltados para a comunidade.

História pessoal
A deputada dedicou parte de seu pronunciamento para lembrar aspectos da trajetória pessoal e profissional do fundador do Grupo Randon.  Descendente de imigrantes italianos, Raul Randon nasceu em Tangará, município de Santa Catarina em 1929. Filho de Abramo e Elisabetha Randon,  recebeu uma educação voltada para o trabalho. Autodidata bem-sucedido, adquiriu conhecimentos por meio de cursos rápidos, palestras, seminários, mas principalmente na vida, aprofundando seus conhecimentos nas áreas administrativas, financeiras, de custos, vendas, produção e, posteriormente, agricultura, fruticultura e pecuária.

Raul Randon começou a trabalhar  aos 14 anos na ferraria do pai, prestou serviço militar obrigatório e, em 1949, associou-se ao irmão em uma pequena oficina para reformar de motores em Caxias do Sul, onde tudo começou. O pequeno negócio prosperou, transformando-se em uma das mais importantes companhias da indústria automotiva da América do Sul. 

As deputadas Zilá Breitembach (PSDB), Silvana Covatti (PP) e Any Ortiz (Cidadania) e os deputados Pepe Vagas (PT), Carlos Búrigo (MDB), Tenente-coronel Zucco (Republicanos), Elton Weber (PSB), Paparico Bacchi (PL), Elizandro Sabino (PDT) e Eduardo Loureiro se associaram à homenagem por meio de apartes.